fbpx

A gestação é uma fase muito esperada na vida de quem almeja ser mãe, as mulheres sonham com o momento perfeito onde podem conseguir ofertar toda nutrição e cuidados para o bebê se desenvolver.

Contudo, é válido salientar que, gestantes podem ter problemas bucais que podem afetar a sua vida e a vida do seu bebê.

No texto de hoje será discutido alguns cuidados que a gestante deve ter para que a sua saúde bucal não seja afetada em meio a gestação.

Boa leitura!

Importância da saúde bucal

Assim como qualquer outra área do corpo humano, a saúde bucal dá sinais de que o corpo não anda bem, ainda mais em meio a uma gestação, onde qualquer manifestação, mesmo que mínima, deve servir de alerta.

Existem sinais que podem aparecer nos dentes e mucosa oral de uma gestante que faz toda a diferença na hora da manutenção da saúde, por este motivo é necessário ficar de olho.

Sintomas que afetam a saúde bucal de gestantes

Incômodos gástricos

Sinais como azia e enjoo são comuns na gestação, mas o que algumas pessoas não sabem é que estes podem prejudicar a dentição de quem os sente.

Vômitos e azia tendem a deixar o pH da boca mais ácido, fazendo com que o desgaste da dentição ocorra de forma mais rápida, provocando sensibilidade e até mesmo a perda do brilho.

Após os episódios de vômito de uma gestante, é indicado um bochecho com água, para tornar o pH da boca mais ameno e após alguns minutos é necessário que uma escovação seja realizada.

Problemas gengivais

Durante a gestação é sabido que a produção dos hormônios tende a mudar, pois o corpo está desenvolvendo um pequeno ser no seu interior.

Com a gestante existe o risco do aumento de inflamação nas gengivas, chamado de gengivite gravídica, podendo causar inchaço, dor e sangramento. Este pode se dar pela produção em grande quantidade do hormônio progesterona.

Caso a gestante sinta incômodos na gengiva, é indicado a procura do seu dentista, para que exames sejam feitos e a situação possa ser avaliada.

Cáries

Com o aumento da produção de hormônios a saliva perde um pouco da sua ação protetora, tornando a boca de uma gestante um local mais propício para a proliferação de cáries.

Caso note o aumento na produção de cáries, é necessário que faça uma visita ao dentista, a fim de tomar providências que previnam o aumento.

Cuidados que a gestante deve ter

O primeiro de todos é a realização de visitas frequentes ao dentista em períodos mais curtos e quando algum sinal mostrado pela sua saúde bucal for considerado suspeito.

É necessário também que, procedimentos que sejam eletivos como clareamentos ou colocação de aparelho ortodôntico sejam suspensos, a fim de diminuir efeitos colaterais que possam causar.

É necessário manter a escovação, pois esta tem um papel fundamental na boa saúde oral da gestante.

Como cuidar dos dentes da criança

Assim que a criança crescer, começaram a aparecer alguns dentes e estes devem ser muito bem cuidados, com a finalidade de se manterem mais preservados.

Uma boa escovação é ideal, mas se mantenha de olho na quantidade de pasta de dente utilizada na escovação, assim como a quantidade de flúor presente, pois os dentes das crianças são mais frágeis e podem se prejudicar pelo excesso de flúor.

No texto de hoje foram discutidos alguns problemas odontológicos que as gestantes podem apresentar. É necessário que se mantenha vigilante em relação a saúde da sua boca, pois esta pode alertar sobre problemas internos sérios.

Caso você sinta diferença ou dificuldade em cuidar da sua saúde bucal, basta procurar um dentista, este profissional é habilidade para cuidar do seu sorriso!

Gostou do texto de hoje e quer ler mais sobre? Continue nos acompanhando aqui e nos siga nas nossas redes sociais!